Chapecoense vence o líder e sai da zona de rebaixamento

Crédito Divulgação  Chapecoense

O rubro-negro perdeu para a Chapecoense por 3 a 2 na noite deste domingo (13), na Arena Condá, em Santa Catarina.

Lesionados: Berrío Pendurados: Henrique Dourado, Geuvânio e Diego Suspensos: Ninguém PALPITES: Na redação do LANCE!, 60% acreditam que o Flamengo vai sair vitorioso, enquanto 20% apostaram na vitória da Chapecoense e os mesmos 20% no empate. Leandro Pereira ganhou pelo alto e cabeceou forte. Andres Ríos bateu e o goleiro defendeu, mas houve nova penalidade, desta vez convertida por Pikachu.

E a lei do ex- mais uma vez aconteceu. Foi o argentino Canteros, que vinha sendo criticado pela torcida, quem abriu o marcador na Arena Condá.

A Chapecoense deu adeus à zona de rebaixamento e com seis pontos ocupa a 12ª colocação. A defesa do Flamengo se atrapalhou na saída de bola. Guilherme se aproveitou disso e cruzou para Arthur Caíque. O atacante cabeceou à direita do gol.

Sem efetividade no ataque no primeiro tempo, o Flamengo se beneficiou de falha na defesa da Chapecoense para empatar o jogo logo aos 4min da segunda etapa. De outro lado, teve a volta do meia Diego, recuperado de lesão, e entrou com o atacante Guerrero, que pela primeira vez foi titular após sua volta depois de ter cumprido suspensão por doping. Também foi o 100º gol do Brasileirão 2018. Inicialmente o gol abalou o time da Chapecoense. Por conta disso, e pensando em dar descanso a alguns atletas, Mauricio Barbieri mandou a campo um time misto, mas com alguns de seus principais nomes no elenco. Aos 20min, Guilherme invadiu a área e foi derrubado por Jonas. A bola ficou com Guilherme que desceu em velocidade e foi puxado no ombro por Jonas, com a arbitragem marcando o pênalti, bastante contestado pelos flamenguistas. Guilherme bateu muito bem o pênalti, deslocando César.

O Flamengo não conseguia sair de trás, mostrando muita lentidão. Vinicius Júnior recebeu na entrada da área e tocou de direita, sem chances para Jandrei. E o gol da vitória veio aos 45 minutos do segundo tempo, com Leandro Pereira. Aos 45min do segundo tempo saía o gol da vitória. A equipe só entrará em campo pela competição nacional no dia 20, diante do Internacional, no Beira-Rio. O jogo será na segunda-feira (21).

E entre a sexta e a 14ª, enfrentará Vasco, Corinthians, Fluminense, Paraná, São Paulo e Botafogo.

CHAPECOENSE - Jandrei; Apodi (Bruno Silva), Rafael Thyere, Douglas e Bruno Pacheco; Amaral, Márcio Araújo, Canteros (Neném) e Guilherme (Eduardo); Arthur Caike e Leandro Pereira.

O Flamengo trocou muitos jogadores, deixando de fora, entre outros, o goleiro Diego Alves, o zagueiro Réver, os meias Éverton Santos, Lucas Paquetá e Vinícius Júnior.

Notícias relacionadas: