Patrocinadora pode entrar na jogada para ajudar o Real a levar Neymar

Neymar é o foco principal do Real Madrid

A novela sobre a transferência do atacante Neymar para o Real Madrid já na próxima temporada ganhou um novo capítulo nesta semana e com um novo personagem bastante importante: a Nike, empresa de materiais esportivos que patrocina o jogador brasileiro. A ideia da multinacional é fechar parceria com os Blancos.

A Nike procura chegar mais perto do emblema da capital espanhola já que continua a ser o clube com mais seguidores no mundo, mas recorde-se que a entidade blanca tem contrato com a Adidas até 2020.

Com a participação da Nike, o valor de € 400 milhões não seria tão absurdo assim para o Real Madrid, explica o "AS". O vínculo entre as partes foi assinado em 2012 e, segundo o "As", está defasado, uma vez que é o menor pago para um gigante do futebol europeu. Isso porque o Real Madrid terá que abrir mão de alguns jogadores do seu elenco para conseguir cobrir a oferta do time francês, que só aceitará valores acima de 400 milhões de dólares pelo craque.

Por conta dos rumores, o presidente do PSG, Nasser Al Khelaifi, teria viajado ao Brasil para se encontrar com Neymar e tentar manter o camisa 10 no clube. Segundo o jornal "AS", a empresa entraria com dinheiro para ajudar o clube merengue a pagar os € 400 milhões (R$ 1,6 bilhão) da cláusula de rescisão do brasileiro com o PSG.

Notícias relacionadas: