Jay Asher é acusado de assédio sexual — Reasons Why

13 Reasons Why | Netflix diz que 2ª temporada não será afetada pelas acusações de assédio contra Jay Asher

Mais uma acusação de assédio sexual surgiu no mundos dos famosos da TV nos Estados Unidos, desta vez o acusado é Jay Asher, o escritor do livro Os 13 Porquês, que inspirou a série 13 Reasons Why, grande sucesso da Netflix que terá segunda temporada lançada em breve.

"Jay Asher não esteve envolvido na segunda temporada de '13 Reasons Why'", anunciou, em declarações ao site The Wrap, um porta-voz da conhecida plataforma de "streaming", salvaguardando, contudo, que "a temporada que aí vem não será afetada de maneira alguma".

Asher, por outro lado, fez um comunicado onde declarou que, na verdade, ele teria deixado voluntariamente a Sociedade dos Escritores e Ilustradores de Livros Infantis e negou qualquer acusação. A decisão da organização só foi divulgada nessa segunda (12), quando Lin Oliver, diretora executiva, enviou email para Associated Press, comunicando que Jay teria violado o código de conduta sobre assédio sexual. "É muito assustador saber que as pessoas não vão acreditar em ti assim que abrires a boca", disse.

13 Reasons Why | Netflix diz que 2ª temporada não será afetada pelas acusações de assédio contra Jay Asher
Assédio sexual. Autor de “13 Reasons Why” afastado da série após acusações

No comunicado publicado pela empresa, a diretoria da Netflix afirma que o autor Jay Asher já não estava envolvido na produção do segundo ano da série e por isso as acusações que surgiram contra ele não devem afetar a continuação do programa.

A primeira temporada da série está disponível na Netflix e as filmagens do segundo ano estão acontecendo. "Sinto-me em conflito sobre isso com o que estamos passando na nossa cultura, em quem você deve acreditar ou não". Eu entendo o dilema que eles se encontram com tudo que está acontecendo e sua proteção. "Eu amo a organização, mas eles não decidiram me expulsar".

Notícias relacionadas: