Horário de verão termina no próximo domingo em 10 estados

Horário de verão será reduzido em duas semanas em 2018/2019

Termina no próximo domingo (18) o horário de verão nas regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste do país, além do Distrito Federal.

Atualmente, horário de verão é adotado em São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Espírito Santo, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Distrito Federal.

Como efeito prático, o sábado ganha uma hora a mais e paranaenses, catarinenses, gaúchos, paulistas, cariocas, mineiros, capixabas, goianos, mato-grossenses, sul-mato-grossenses e brasilienses voltam a seguir o fuso horário de Brasília em sincronia com as demais regiões do país.

A justificativa para adoção da medida é o aproveitamento maior da luz solar durante o verão. Três anos depois, em 2016, o valor economizado baixou 63% e foi de R$147 milhões.

No final do ano passado, o governo federal sinalizou para a possibilidade de abolir o horário de verão, por não haver consenso quanto à relação com a economia de energia elétrica.

Mesmo mantendo o horário de verão, o governo editou um decreto para reduzir em duas semanas o próximo período do horário, atendendo a um pedido da Justiça eleitoral. Com isso, em 2018 os relógios serão alterados apenas após o 2º turno das eleições, no primeiro domingo de novembro.

Neste ano, o próximo horário de verão começará mais tarde. Segundo o TSE, a mudança pedida pelo ministro visa evitar atrasos na apuração dos votos e na divulgação dos resultados do pleito.

Notícias relacionadas: