Três helicópteros e 170 operacionais mobilizados para Vila Nova da Rainha

NUNO ANDR\303\211 FERREIRA

Pelo menos 5 pessoas morreram e 60 ficaram feridas num incêndio numa associação em Vila Nova da Rainha, no concelho de Tondela, disse à Lusa fonte dos bombeiros locais. Estão confirmados oito mortos, segundo o oficial de Relações Públicas da GNR de Viseu, coronel António Dias.

Segundo a mesma nota, "neste momento é importante sublinhar o trabalho das equipas que se encontram no local, prestando auxílio aos feridos".

A estrada principal está cortada ao trânsito a cerca de dois quilómetros da associação recreativa aonde ocorreu o incidente.

Segundo a televisão RTP, o presidente da Câmara Municipal de Tondela, José António Jesus, indicou que o incêndio terá sido causado pela explosão de uma salamandra. Aos participantes juntaram-se, também, adeptos de futebol para assistir ao jogo de futebol entre Braga-Benfica. Mas, pouco depois, a Lusa divulgaria nova informação em que citava o autarca dizendo que "pelas razões ainda não apuradas, há um foco de incêndio e há uma situação de calamidade com muitas dezenas de feridos a serem assistidos".

Cerca de 170 operacionais e três helicópteros do Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) foram mobilizados para Vila Nova da Rainha, no concelho de Tondela, disse o comandante operacional distrital de Viseu, Miguel David.

O incêndio ocorreu durante um jantar numa associação recreativa naquela localidade, de acordo com o oficial de operações da Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC) Paulo Santos. O alerta foi dado às 20h51 e pelas 21h50 o fogo foi dado como extinto.

Notícias relacionadas: