O Outro Lado do Paraíso: Clara define próximo alvo da vingança

Divulgação

O rapaz volta à delegacia, após trocar socos com Odair (Felipe Titto), em "O outro lado do paraíso". Samuel (Eriberto Leão) foi desmascarado e agora toda a cidade sabe que ele é homossexual.

O problema é que ela não é próxima de nenhum deles. "Meu amigo Rafael vai se casar com a enteada do delegado, Laura", explicou o médico.

"Eu sinto que ela tem alguma coisa estranha". Vou conhecer melhor a família do delegado. O psiquiatra fica arrasado. Renato dá conselhos para Samuel e diz que ele deve assumir sua homosexualidade diante da sociedade. Adriana tenta conversar com Duda e desconfia quando ela afirma ser uma mulher morta. Cleo expulsa Gael da casa de sua avó. Samuel decide encarar o preconceito de todos e sua mãe o consola na novela das 9 da Globo.

Nos próximos capítulos da trama da novela das nove, ela continuará tirando de seu caminho quem quer que seja. Laura não aceita que seu vestido de noiva seja pago por Vinícius. Patrick pede para Adriana ajudá-lo com o caso de Duda, e Natanael comemora a ida de sua neta para Palmas. Samuel convida Cido para uma viagem.

Também no capítulo de sábado (13/1), Patrick (Thiago Fragoso) levou para Clara a petição com a qual eles deram início ao processo pela guarda de Tomaz (Vitor Figueiredo). Samuel e Cido procuram pela Mãe do Quilombo. Tomaz diz a Clara que sentiu saudades dela.

A princípio, Elizabeth se recusa a falar sobre o uso criminoso da identidade de Maria Eduarda Feijó e sobre a morte de Laerte (Raphael Vianna), com medo de Clara (Bianca Bin) ser condenada no lugar de Sophia (Marieta Severo), fazendo com que Gustavo anuncie o encerramento da sessão de julgamento.

Notícias relacionadas: