Protecção Civil alerta para risco de inundações e queda de árvores

Nacional         
  
  
       
     
            
          
    
    
       DR

Nas próximas 24 horas, espera-se mesmo um agravamento das condições meteorológicas.

De acordo com a nota, enviada às redações, são esperados períodos de chuva fortes, que podem ser acompanhados de granizo e trovoada, assim como ventos e agitação marítima.

Existe ainda a possibilidade de queda de neve acima de 1500 metros de altitude, "descendo gradualmente a cota para 800/1000 metros nas regiões Norte e Centro".

Face a estas condições atmosféricas, a Autoridade Nacional de Protecção Civil aconselha alguns cuidados a ter.

A ANPC sublinha que estes efeitos podem ser minimizados, através da adopção de comportamentos adequados, nomeadamente com a desobstrução dos sistemas de escoamento de água, a adopção de uma condução defensiva, colocação de correntes de neve nos automóveis e fixação de estruturas soltas.

A entidade apela ainda às pessoas que não atravessem zonas inundadas, "de modo a precaver o arrastamento de pessoas ou viaturas para buracos no pavimento ou caixas de esgoto aberta".

É ainda recomendado especial cuidado na circulação e permanência junto de áreas arborizadas e junto da orla costeira e zonas ribeirinhas historicamente mais vulneráveis, bem como não praticar actividades relacionadas com o mar.

Notícias relacionadas: