Diego não escolhe posição e projeta superar seu recorde no São Paulo

Diego Souza será apresentado no São Paulo nesta quinta-feira

Com um contrato de duas temporadas com o Tricolor e a missão de substituir Lucas Pratto como centroavante (o argentino foi para o River Plate), Diego Souza evitou comparações.

"Não tive contato com o Scarpa, até porque, mais ou menos na volta ao Flu, tive pouco tempo". Se for para jogar de 9 ou de 10, o que quero é jogar, estar bem e ajudar melhor maneira possível. Cada um tem sua característica. Isso vai ficar mais com o Dorival. "Onde ele se sentir mais à vontade de me utilizar, vou estar 100% à disposição", ressaltou.

O atleta mandou um #Recado para os palmeirenses afirmando que quer desvincular toda a sua imagem do Palmeiras, já que a história que ele viveu no clube já faz quase 10 anos e está no passado, agora o foco é ganhar títulos em um clube de tradição, que é o São Paulo.

O jogador chega ao time são-paulino no melhor momento da carreira: em 173 jogos pelo Sport, o atleta marcou 57 gols e assumiu o protagonismo no clube pernambucano. "Vocês falando que eu deveria fazer gol, ele iria me ajudar muito", afirmou Diego Souza, o novo camisa 9 do São Paulo para 2018. Quero ajudar com assistências também.

Alvo do São Paulo desde o início de dezembro, Diego Souza viu na possibilidade de transferência uma oportunidade de aumentar suas chances de disputar a Copa do Mundo pela Seleção Brasileira. "Com a equipe qualificada que tem o São Paulo, há o objetivo de superar a sua melhor temporada", completou o jogador que foi apresentado como reforço nesta quinta-feira, no CT da Barra Funda. "Foi um ano difícil, tive essa conversa com o Raí, que fez eu acreditar no projeto de ser feliz no São Paulo", reiterou Diego Souza, tratando de se desvincular do rival, pelo qual atuou entre 2008 e 2010.

Diego Souza, que assinou vínculo até o fim de 2019 com opção de renovação por mais um ano está fora da estreia da equipe no Paulistão, no próximo dia 17, diante do São Bento, em Sorocaba, pelo fato de seu nome não ter aparecido no Boletim Informativo Diário (BID) da CBF.

Notícias relacionadas: