Instagram vai separar app Direct

Instagram poderá contar com chat próprio

Como explica o The Verge, a justificativa para criar outro aplicativo é que a função Direct é feita para trocar mensagens, fotos e vídeos privadas, enquanto o Instagram serve para postar fotos e histórias para seus seguidores, que podem até ser visíveis publicamente.

Instagram quer separar aplicativo de mensagens instantâneas de sua plataforma.

O Instagram Direct tem um funcionamento similar ao Snapchat.

A princípio, somente seis países vão receber o aplicativo: Chile, Israel, Itália, Portugal, Turquia e Uruguai. Os usuários que não gostarem, entretanto, podem desativar o recurso no item "Mostrar status de atividade", nas configurações do aplicativo.

A troca de mensagens diretas (sem estar dentro de uma rede social) tem subido significativamente. "Para tornar este tipo de conexão mais fácil e mais divertida, estamos testando o Direct - um aplicativo câmera-first que se conecta perfeitamente ao Instagram".

Quando você abre o Direct, a primeira tela que aparece é a da câmera.

A troca de mensagens diretas no Instagram é um pouco confusa para a maior parte dos utilizadores, assim sendo, esta será a forma de resolver a situação e fazer com que amigos possam optar pela nova plataforma na troca de mensagens. A ideia da empresa é estimular o compartilhamento privado de fotos, vídeos e mensagens. O lançamento do aplicativo de mensagens acompanha o crescimento do uso das direct messages: em abril deste ano, ele já acumulava 375 milhões de usuários únicos por mês. Ainda não se sabe se ele será lançado separadamente no Brasil.

A ferramenta deverá permanecer de modo semelhante ao que já é visto dentro do Instagram.

Notícias relacionadas: