Temer recebe Evo Morales após cancelar duas vezes encontro

O presidente Michel Temer recebe o presidente da Bolívia Evo Morales- Givaldo Barbosa  Agência O Globo

Morales será recebido esta manhã por seu homólogo brasileiro, Michel Temer, no Palácio do Planalto; depois começará um encontro bilateral ampliado e, após o meio-dia, comandará a cerimônia de assinatura de acordos, depois da qual será homenageado com um almoço.

Também participaram da reunião governadores que têm interesse neste acordo: "de Mato Grosso, Pedro Taques; de Rondônia, Confúcio Moura; e do Acre, Tião Viana". A reunião está prevista para as 8 horas, em Brasília. Segundo a programação, divulgada pela Secretaria de Comunicação Social, Evo será recebido por Temer às 11h, no Palácio do Planalto.

Segundo o Ministério das Relações Exteriores, o Brasil é o maior parceiro comercial da Bolívia, sendo o principal destino das exportações do país (19%).

A cooperação energética é de grande importância para ambos países ao constituir um insumo para a política brasileira nesta área e uma fonte de renda para a Bolívia, assinala o portal do Itamaraty, segundo o qual os principais eixos da integração econômica são precisamente a energia e os projetos de infraestrutura regional. O documento será assinado pelos ministros dos Transportes dos dois países. A proposta permitirá o ligamento entre os portos de Santos, no Oceano Atlântico, ao de Ilo, no Peru, localizado no Oceano Pacífico.

Notícias relacionadas: