Atlético-PR está escalado para jogo contra o Palmeiras pelo Brasileirão

Palmeiras é atropelado pelo Atlético-PR, mas termina em segundo

Com um primeiro tempo excelente, o Furacão abriu 3 a 0 para vencer com facilidade o Palmeiras, na Arena da Baixada, pela última rodada do Campeonato Brasileiro.

O primeiro gol saiu com Luan e Fabiano tentando fazer a linha de impedimento no campo de ataque.

A bola vai rolar Às 17h (horário de Brasília), na Arena da Baixada. Na cobrança, Ederson chutou no meio do gol e ampliou. Contra Corinthians, Avaí e Vitória, a situação se repetiu. O jogador, inclusive, disputou o Mundial da categoria pela seleção brasileira e poderá ganhar mais chances na equipe profissional na próxima temporada.

Luan errou passe para Michel Bastos na esquerda, foi lento para o bote e permitiu que Éderson avançasse livre com a defesa palmeirense desarrumada. Ederson avançou pelo lado direito e cruzou rasteiro, Sidcley se antecipou ao zagueiro colombiano Mina e Fabiano e desviou para o gol. "Não sei explicar. Nosso time entrou muito desligado", tentou justificar o atacante Dudu, no intervalo.

No final do jogo, como aconteceu na primeira etapa, a torcida paranaense não perdoou a atuação ruim do Palmeiras e comemorou a superioridade do seu time com gritos de "olé". Infelizmente para o torcedor alviverde, porém, a situação não mudou no segundo tempo. Guerra e Hyoran vieram depois nas vagas de Moisés e Willian, respectivamente. Mesmo com a derrota, o Palmeiras se beneficiou do empate do Santos com o Avaí (1 a 1), em Santos, e a derrota do Grêmio para o Atlético Mineiro (4 a 3), em Belo Horizonte, para terminar na segunda colocação, conquistando uma vaga diretamente na fase de grupos da Copa Libertadores e engordando o seu caixa com uma premiação de R$ 11.373.030,00. Em reunião com Alexandre Mattos e Cícero Souza na Academia de Futebol, o interino decidirá se vai aceitar o convite para ser auxiliar técnico de Roger Machado em 2018, ou se buscará outro clube para ser treinador.

Notícias relacionadas: