Nigéria vence Argentina por 4-2 — Mundial à Vista

Na China, a seleção colombiana não tomou conhecimento dos mandantes: venceu por 4 a 0 em dia para Carlos Bacca e Miguel Borja não esquecerem. Desta vez, porém, Messi foi poupado e não pôde salvar a seleção, como fez diante do Equador, quando marcou três gols e garantiu a suada classificação do país ao Mundial russo.

Apesar do resultado, o início de partida da equipe de Sampaoli foi positivo.

A Argentina saiu na frente aos 27 minutos num lance pitoresco: o goleiro Akpeyi pegou a bola com a mão fora da área quando pressionado por Agüero - na verdade, ela estava na meia-lua, o que confundiu o camisa 1 (confira no vídeo abaixo). O jogador não foi fominha e encontrou Aguero dentro da pequena área para ampliar a vantagem.

Os pupilos do veterano treinador alemão Gernot Rohr reagiram ainda no primeiro tempo, com Iheanacho (45) a reduzir, de livre direto. Após o apito final, de resto, o jogador do Barcelona assumiu ter sentido grandes dificuldades perante os nigerianos: "Fizemos uma boa primeira parte mas na segunda não fomos tão intensos como eles, frente a uma equipa que é fisicamente muito forte". Aos 44 minutos, Iheanacho acertou uma bela cobrança de falta no ângulo para diminuir o placar ainda antes do intervalo.

Nesta terça, a Argentina pareceu sentir a falta de Agüero no segundo tempo e levou uma surpreendente virada da Nigéria.

Notícias relacionadas: