Governo identifica 900 casas de primeira habitação destruídas em Outubro

Governo identifica 900 casas de primeira habitação destruídas em Outubro

Há 900 casas de primeira habitação e 500 empresas afectadas pelos incêndios de Outubro, segundo o último levantamento feito pelo Governo e esta segunda-feira anunciado pelo ministro do Planeamento e Infra-estruturas no Parlamento. Estão portanto, 73 casas mais atrasadas, mas, para o ministro Pedro Marques, o processo de reconstrução está a decorrer "a bom ritmo".

O Governo vai atribuir 100 milhões de euros a fundo perdido para apoiar as cerca de 500 empresas afetadas pelos incêndios de outubro na região Centro, além de uma linha de crédito de outros 100 milhões, foi hoje anunciado.

Notícias relacionadas: