Morre Hugh Hefner, fundador da Playboy

Morre Hugh Hefner, fundador da Playboy

Morreu nesta quarta-feira (27) o fundador e editor-chefe da revista Playboy, Hugh Hefner, aos 91 anos de idade, informou a publicação em seu perfil oficial no Twitter.

Além de Cooper, Hugh Hefner deixa os filhos David e Marston, e a filha Christie.

Embora, à primeira vista, a revista Playboy mostre apenas mulheres nuas, a Reuters reconhece que a filosofia de Hefner, refletida na sua vida e nas famosas "festas Playboy", também teve muito a ver com o romantismo, o estilo e a rejeição da moral tradicional, algo que foi desencadeado em toda uma revolução sexual dos anos sessenta, conclui o meio.

Ele morreu de forma natural em sua casa, a famosa Mansão Playboy, em Los Angeles.

Em várias entrevistas garantiu que, ao longo da sua vida, teve sexo com mais de mil mulheres, reconhecendo que nas últimas décadas conseguiu tal feito graças ao Viagra, os comprimidos azuis de combate à impotência sexual que o ajudaram a manter a libido. Em 2012, aos 86 anos, casou pela terceira vez com Crystal Harris, 60 anos mais nova que ele.

A revista Times chegou a chamar-lhe "o príncipe do hedonismo". Donald Trump, o atual Presidente dos EUA, também é um confesso amante da "Playboy", tendo aparecido na capa da edição de março de 1990, sob a manchete: "Bela revista, quer vendê-la?"

Notícias relacionadas: