Furacão Irma atinge ilha de Barbuda nas Caraíbas

Passagem do furacão Irma pela província holandesa de Philipsburg na ilha de San Martín- Agência Brasil  EFE  Gerben Van Es  Min. Defesa Holanda

As mortes foram registradas nas Ilhas Virgens americanas e na ilha franco-holandesa St. Martin.

"A situação é preocupante porque temos fenômenos que conhecemos pouco em sua intensidade nesta parte do Caribe", destacou a ministra.

A França está preocupada com milhares de pessoas que se negam a buscar refúgio ante a iminente passagem do furacão Irma pelas ilhas caribenha de São Bartolomeu e São Martinho. Se há uma mensagem que ainda podemos divulgar é que todos se protejam ao máximo e escutem os conselhos e determinações. - Devemos ser os primeiros a ser atingidos, e já imaginamos que nosso telhado de madeira não suportará o impacto.

Nos territórios dos Estados Unidos, o presidente Donald Trump já declarou estado de emergência na Flórida, Porto Rico e nas Ilhas Virgens americanas.

Segundo o padrão de trajetória traçado pelo NHC, após atravessar as Pequenas Antilhas o furacão, considerado extremamente perigoso, passará perto ou apenas ao Norte de Porto Rico, hoje por volta do meio-dia. "Podemos reconstruir casas, mas não podemos devolver vidas", afirma o governador.

- Não sentem e esperem - exortou ele, em coletiva, aos moradores do estado.

De acordo com o último boletim do Centro de Furacões, "olho do Irma deixou Porto Rico hoje de manhã, ameaçando agora a República Dominicana".

O abastecimento já não estava normal devido à passagem do Furacão Harvey, que atingiu o Texas na semana passada e afetou boa parte das refinarias de petróleo que abasteceu o sul e o sudeste do país.

Chocados, moradores de ilhas na rota do Irma tentavam entender a extensão da devastação e simultaneamente se preparavam para outro grande furacão, o José, que agora está na categoria 3 e deve chegar ao nordeste do Caribe no sábado. - Foi diferente do que aconteceu no ano passado, em que um dia antes da chegada do Matthew ainda era possível encontrar produtos nas prateleiras. Continua, porém, a ser uma poderosa tempestade de efeitos catastróficos, com ventos a rondar os 250 quilómetros por hora. Segundo as previsões, o furacão pode atingir a localidade de Cabo Haitiano, no norte do país.

Notícias relacionadas: