Onde pode nevar no BR no dia 17 de julho?

Previsão do tempo tem possibilidade neve para o Sul do Brasil

"Muitos recordes de frio serão batidos na passagem desta massa de ar polar e é possível que o Brasil tenha as mais baixas temperaturas do ano até agora", diz o Climatempo.

A menor temperatura registrada no país em 2017 aconteceu em Bom Jardim da Serra, em Santa Catarina, com -5,7°C medidos pelo Inmet e Epagri-Ciram (Centro de Informações de Recursos Ambientais e de Hidrometeorologia de Santa Catarina) em 26 de junho. A possibilidade de neve, ou de fenômenos como chuva congelada, é considerada para as áreas de planalto e serra do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina. A chance de nevar em cidades como Palmas e União da Vitória, no sul do Paraná não pode ser completamente descartada.

A chance de nevar é apenas para o dia 17 de julho de 2017.

A chegada de uma forte massa de ar polar vinda da Argentina deve trazer uma onda de frio ao Brasil a partir desta segunda-feira (17). É preciso ter umidade para formar as nuvens.

Previsão do tempo tem possibilidade neve para o Sul do Brasil
Meteorologistas alertam para forte massa de ar polar que trará recorde de frio em todo Brasil

E quem estiver interessado em ver a neve não pode perder esta oportunidade, porque ainda de acordo com o Inmet, a massa de ar frio passará rapidamente e antes mesmo da semana acabar, as temperaturas já começam a subir novamente, deixando o frio menos intenso. Na segunda-feira, o frio intenso será a bola na marca do pênalti, o Sul do Brasil o gol e o goleiro estará fora da sua posição para tentar a defesa. Na terça-feira (18), a bola entra com tudo e mais 100 sobre o Sul do Brasil.

De acordo com o Climatempo, a "massa de ar polar" pode ser a mais forte a passar pela América do Sul no ano, ocasionando assim temperaturas excepcionalmente baixas. Frio indefensável, que vai fazer a Região Sul congelar!

Alerta para "viento blanco" na ArgentinaPor causa desta forte frente fria que já começou a influenciar a Argentina, o serviço nacional de meteorologia argentino emitiu vários alertas, para diferentes áreas do país, sobre nevascas, ventos intenso e frio intenso. A região da cidade de Buenos Aires não deve ter condições para neve.

Para o Uruguai, as simulações atmosféricas específicas para neve indicam a possibilidade de ocorrência do fenômeno entre na madrugada e manhã do dia 17 de julho.

Notícias relacionadas: