Ex-lutador do UFC, Tim Hague morre após ser nocauteado

Tim Hague é amparado pelo árbitro após cair nocauteado em luta de boxe

O falecimento foi confirmado pela irmã do lutador, por meio de comunicado no Facebook.

"É como incrível tristeza e dor no coração que informamos que Tim morreu hoje". Ele foi cercado por sua família, ouvindo suas músicas favoritas. "Vamos sentir muita falta dele", disse a família nas redes sociais. O juiz chegou a abrir contagem, mas o duelo teve prosseguimento. O ex-UFC não resistiu e teve a morte anunciada 48h depois da luta. Segundo o jornal canadense "Edmonton Journal", Hague sofreu uma hemorragia cerebral. Ex-professor do ensino primário em Alberta, no Canadá, o lutador começou sua carreira no MMA em 2006 e conquistou o cinturão peso-pesado do evento King of the Cage em sua quinta luta profissional. Ele estreou na organização no UFC 98, em 2009. No boxe, ele vinha de uma vitória e duas derrotas. Hague se despediu das artes marciais mistas em 2016, com triunfo sobre Michal Andryszak, na Rússia, por nocaute técnico.

Notícias relacionadas: