Inúmeras vítimas em explosão perto de um jardim de infância na China

Explosão junto a jardim-de-infância na China faz 7 mortos e 66 feridos

Uma explosão na entrada de um jardim de infância localizado na cidade chinesa de Xuzhou, leste do país, matou nesta quinta-feira oito pessoas e deixou 65 feridos, vários deles em estado crítico, anunciou a TV pública.

Vídeos que supostamente seriam da cena da explosão foram divulgados nas redes sociais e mostravam crianças e adultos deitados no chão. Uma mulher abraça uma menina enquanto chora. Segundo a agência Xinhua, a explosão aconteceu perto da entrada da escola, na província de Jiangsu.

Alguns sites reproduziram declarações de um comerciante vizinho que afirmou que a explosão foi de grandes proporções. Em sua edição digital, o jornal Xiandaikuaibao citou uma testemunha segundo a qual o incidente poderia ter sido gerado por um botijão de gás.

Duas pessoas morreram no instante da detonação e as outras cinco chegaram a ser levadas para um hospital, mas não resistiram aos ferimentos.

Histórico de crimes Este foi o mais recente de uma série de dramas ocorridos em pré-escolas na China nos últimos meses. Especula-se que o motorista estaria envolvido por causa de suas condições trabalhistas.

Em janeiro, um homem armado com uma faca esfaqueou onze crianças num jardim de infância na região de Guangxi (sul), deixando três gravemente feridas.

Fevereiro de 2016 Um homem feriu 10 crianças no pátio de sua escola em Haiku, na província de Hainan, no sul do país, para depois suicidar-se. Segundo as autoridades de Fengxian não há crianças nem professores entre os mortos.

Notícias relacionadas: