Distrito de Beja em risco de perder 26,8% das farmácias

Uma em cinco farmácias em insolvência ou penhora

O número de farmácias em situação de insolvência ou penhora continua a aumentar.

Nos últimos cinco anos, as farmácias em insolvência ou penhora subiram 145%.

No caso da Madeira, 16,9% das farmácias estão em situação de insolvência quando em 2012 esse número era praticamente de 9,2%.

Nesta análise são consideradas insolventes as farmácias que apresentaram ou requereram insolvência e as que estão em processo especial de revitalização.

"As dificuldades financeiras do sector colocam em causa a cobertura farmacêutica nacional, a rede de saúde de proximidade à população e o acesso ao medicamento", conclui a associação com base no estudo, apontando para o caso do distrito de Leiria, onde "são já 15,3% as farmácias nestas condições, mais que duplicando os seis por cento existentes em 2012".

Faro, Santarém e Viseu registam também mais de 20% de farmácias em acções de insolvência ou penhora.

"A nível nacional, as farmácias com ações de insolvência ou de penhora representam 20,1% da rede farmacêutica nacional, o que se traduz em 591 farmácias portuguesas", adianta a ANF.

Notícias relacionadas: