Autocarro está a arder no Túnel do Marão

Autocarro que ardeu no túnel do Marão transportava 20 pessoas nenhuma ferida

O incêndio com o autocarro de passageiros foi o primeiro acidente do género, em dimensão, ocorrido num túnel em Portugal.

Um autocarro com 20 passageiros ardeu dentro do túnel, que liga Amarante, no distrito do Porto, a Vila Real, mas não se registaram vítimas, disseram fontes ouvidas pela Lusa no local. Não se sabe ainda o que terá estado na origem do fogo, mas a empresa proprietária do autocarro já anunciou que vai abrir um inquérito para apurar as causas.

Apenas quatro pessoas decidiram, já após abandonarem o túnel, deslocar-se ao Centro Hospitalar de Vila Real por inalação de fumo e em estado de choque, confirmou fonte da unidade ao JN. No sentido inverso, Vila Real-Amarante, o tráfico poderá ser retomado durante esta segunda-feira. Saíram todos ilesos, pelo próprio pé e pelas galerias de emergência. O problema é que a abertura de portas entre duas galerias permitiu que o fumo intenso alastrasse nessas salas inviabilizando o seu uso.

O autocarro em chamas encontra-se no sentido Amarante-Vila Real, disse hoje à agência Lusa fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Vila Real. O trânsito pode, por isso, ficar cortado durante alguns dias para reparações.

Os condutores e passageiros de outros veículos que na altura circulavam no túnel também saíram da mesma forma e em segurança. Na operação estiveram 54 homens e 23 viaturas.

Notícias relacionadas: