Diego inicia transição para voltar a campo. Conca é liberado para estrear

Diego e Conca estão próximos de retorno	Gilvan de Souza  Flamengo  Divulgação

Depois da vitória sobre o Atlético-GO, o Flamengo se reapresentou na tarde desta segunda-feira (22), no Ninho do Urubu, de olho no duelo contra o mesmo Atlético-GO, só que desta vez pela Copa do Brasil. Vindo de empréstimo do Shanghai SPG, o meia aguarda agora uma oportunidade do técnico Zé Ricardo. O jogador não atua desde agosto do ano passado, quando se machucou na China. O time rubro-negro pagará um percentual reduzido do salário do jogador a partir do momento em que ele entrar em campo.

"O Conca não está mais no departamento médico e treina com o grupo". Estando liberado assim que a comissão técnica achar necessário - disse o médico.

O argentino ainda precisará readquirir ritmo de jogo, mas a liberação é um alento para o técnico Zé Ricardo, que necessita de jogadores de qualidade para o setor.

Já Dario Conca, grande reforço do Flamengo para a atual temporada, está cada vez mais próximo de, enfim, fazer sua estreia pelo clube.

Enquanto os titulares contra o Atlético-GO trabalharam na academia e o restante do grupo enfrentava os jovens das categorias de base do Flamengo, Diego deu algumas voltas no gramado e posteriormente realizou uma atividade básica com bola. Prestes a completar seis semanas fora dos gramados após a lesão sofrida no confronto contra o Atlético-PR pela Libertadores, Diego começou sua transição para os gramados. "Ele se encontra sem dor, assintomático (sem sintomas) e vai iniciar essa fase para que ele possa estar o mais breve possível treinando com o grupo normalmente e estar à disposição do treinador".

O zagueiro Donatti, por sua vez, ainda está sob os cuidados dos médicos rubro-negros. Contratado em 2016, o defensor fez apenas oito jogos pelo clube.

Notícias relacionadas: