Com gol de Jô, Corinthians tem vitória magra em Salvador

Rodriguinho Corinthians

No papel, o Corinthians tem mais time e depois do "apagão" em Itaquera entra focado em conseguir os três pontos para não se distanciar dos líderes e de sua busca por uma vaga na Libertadores 2018. Com o clima bem gelado na capital paulista, Carille encerrou a preparação para enfrentar o Vitória, neste domingo, na Arena Fonte Nova.

A zaga voltou a ser um problema para Fábio Carille resolver no Corinthians ao longo da semana. Os recém-contratados Caique Silva (lateral-direito), Thallyson (lateral-esquerdo) e Todinho (atacante) tiveram os nomes publicados no BID (Boletim Informativo Diário) da CBF e, já podem ser utilizados por Petkovic nos jogos do Campeonato Brasileiro.

Os baianos tentaram responder e cinco minutos depois Rafaelson teve boa parte do campo para avançar após passe do argentino Pisculichi, mas acabou se enrolando com a bola dentro da área corintiana e causou reclamações por parte da torcida baiana. O Vitória era muito pragmático e burocrático, sem velocidade no ataque. Com isso, a partida resumia em bolas paradas e cruzamentos na linha de fundo. Sem gols no primeiro tempo, as equipes tiveram de se expor mais na segunda etapa. Muito aberto pela direita, quase não produzia nada ofensivamente. Depois, Marquinhos Gabriel entrou no lugar de Maycon. O Léo Santos é promissor.

CORINTHIANS: Cássio, Fagner, Balbuena (Léo Santos - 22'/2ºT), Pedro Henrique e Guilherme Arana; Gabriel e Maycon (Marquinhos Gabriel - 26'/2ºT); Jadson (Paulo Roberto - 42'/2ºT), Rodriguinho e Romero; Jô. Mas quem chamou a atenção foi o outro substituto. Em uma linda tabela entre Jadson e Marquinhos Gabriel, o contestado ponta deixou na medida para o artilheiro Jô bater rasteiro entre as pernas de Fernando Miguel.

Apesar da frequência de contra-ataques ter aumentado significativamente depois do gol marcado pelo Corinthians, o Vitória não conseguiu produzir nos minutos finais aquilo que já não havia conseguido desde o início. Já no seu fim, o Corinthians recuou e sofreu certa pressão do time baiano na base do abafa, porém sem sucesso. No domingo, às 16h, o Corinthians visita o Atlético-GO no Serra Dourada.

Sem compromissos desde o último domingo, as equipes puderam se preparar para a rodada deste final de semana e não deverão apresentar nenhum sinal de desgaste físico - um dos motivos apontados por alguns jogadores do Corinthians para o desempenho decepcionante em Itaquera diante da Chapecoense.

Notícias relacionadas: