Macaco obeso por causa dos turistas posto em dieta

Uncle Fat em rehab

Um macaco com obesidade mórbida que se alimentava de junk food abandonada por turistas foi resgatado dos subúrbios de Bangcoc, na Tailândia, e colocado em uma rigorosa dieta de proteína magra, frutas e vegetais. "Ele era o líder do bando, e quando tentamos pegá-lo tivemos que enfrentar um punhado deles". O animal foi resgatado da Tailândia já em estado crítico. Segundo a veterinária Supakarn Kaewchot, o animal corre o risco de diabetes e problemas cardíacos.

Na Tailândia, os macacos selvagens circulam livremente em vários pontos do país e esse é um dos principais fatores de atração dos turistas, que costumam alimentar, fotografar e brincar com estes animais.

A dieta de Tio Gordo - que tem entre 10 e 15 anos - se resume a 400 gramas de comida por dia. Apesar de pesar cerca de três vezes o que deveria, a profissional acredita que o macaco tem chance de voltar ao peso normal e, então, ser solto.

O oficial adiantou ainda que o Tio Gordo tinha vários macacos que lhe traziam comida, como se fossem seus "subordinados", mas que ele próprio também dava o exemplo ao distribuir comida aos macacos mais jovens.

"Eu entendo que as pessoas tenham pena dos macacos e que os queiram alimentar. É muito prejudicial para a sua saúde e o problema é inteiramente feito pelo homem".

Notícias relacionadas: